Ideias x oportunidades de negócios

A todo o momento temos ideias. Quantas vezes pensamos em algo e já imaginamos que isso poderia ser um bom negócio. Porém, boas ideias nem sempre se tornam bons negócios. Antes de qualquer coisa, precisamos avaliar se este modelo é de fato viável devendo passar por análises iniciais feitas pelo empreendedor. Uma ideia somente se transforma em oportunidade quando seu propósito vai ao encontro de uma necessidade de mercado, ou seja, quando existem clientes potenciais. Quer algumas dicas? Ai vão elas: – Crie um produto mínimo viável e teste junto a clientes em potencial, empreendedores mais experientes e amigos próximos, antes que a paixão pela ideia tire sua capacidade de analisar o negócio friamente. – Uma ideia sozinha não serve para nada. Não tenha medo de contar para outras pessoas. Apenas guardar segredo não é o suficiente para transformar uma ideia em negócio. Por isso, desenvolva o seu modelo e vá em frente! Busque parceiros ou amigos interessados. – Considere o timing da ideia. Alguns setores se transformam rapidamente. Se o empreendedor não for veloz no desenvolvimento de novos produtos ou serviços, provavelmente perderá a oportunidade de explorar. – Esteja atento ao ambiente para detectar essas oportunidades. Analisar o que é importante para melhorar a vida das pessoas, reduzir custos, agilizar processos. A capacidade de análise crítica é a melhor maneira de estimular a criatividade para gerar oportunidades. – Caso você tenha uma ideia num mercado que conhece pouco (ou nada), pense que o ideal é procurar criar negócios onde já tenha atuado profissionalmente, ou buscar sócios que conheçam o mercado. O ideal é não arriscar sozinho em um ambiente desconhecido. – Avalie a oportunidade. Faça algumas perguntas para auxiliar no planejamento, como por exemplo: Existem clientes para comprar esses produtos? Quem são? Qual o tamanho desse mercado? Esse mercado em que se pretende entrar está em crescimento, estável ou estagnado? Quais empresas atendem a esses clientes atualmente? Quem são seus concorrentes? Entre outras inúmeras questões! Esse é só o começo. O empreendedor tem muito trabalho, pesquisa e muita conta para fazer antes de dar o start no projeto. E certamente nunca será suficiente. Alguns escolhas não vão dar o resultado esperado e isso é normal. Refaça a rota e siga em frente! Precisa de ajuda nisso? Conte comigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X