Ser produtivo não é estar ocupado

Uma longa jornada de trabalho às vezes não é sinônimo de sucesso. Fico lendo em vários artigos que empreendedores trabalham muito mais que funcionários, que devemos estudar mais de 12 horas por dia para ter êxito e etc. Não concordo. A análise não é essa. Tenha em mente que a nossa produtividade não deve ser medida em horas de trabalho e sim em horas produtivas ou resumindo, em quanto tempo eu foco em uma tarefa até atingir meu objetivo. Separei algumas dicas que acredito ter relevância para buscarmos a tão sonhada produtividade.

Aumente o autoconhecimento

Para qualquer coisa que for fazer na sua vida, pratique o autoconhecimento. Não existe fórmula que dê certo para todos. Você precisa se conhecer, precisar testar vários métodos para depois dizer o que funciona ou não para VOCÊ.

Vou dar um exemplo. Existem inúmeras técnicas para ter foco em uma atividade e umas delas, sugere que façamos pausas de 25 em 25 minutos quando executarmos uma tarefa de alta concentração. Não funcionou para mim e fui testando qual era o MEU bloco de concentração. Cheguei à conclusão que não consigo ficar mais de 2 horas em uma tarefa, então divido meu dia em blocos de 2 horas. Claro que depende muito da tarefa também. Utilizo essa técnica quando vou estudar (ler, ouvir ou assistir um vídeo), escrever, desenhar um curso ou planejar aulas. Quando vou fazer uma reunião, delimito o tempo de 1h normalmente. Quando vou fazer um curso externo, não tem jeito, preciso seguir o cronograma do evento.

O mais importante disso tudo é você encontrar o que funciona para você. Isso se chama autoconhecimento. Não funciona para todo mundo. Então busque o seu timing.

Faça um planejamento semanal

Planejar é preciso! Seja na agenda ou no seu celular, planeje sua vida! Eu não consigo utilizar nenhuma ferramenta online. Nadinha. Ainda tenho minha boa e velha agenda de papel, além de dois quadros enormes no meu escritório. A sugestão aqui é que todo domingo ou sábado, você tire uma hora do seu dia para planejar a semana seguinte (tarefas relevantes, pois tem coisas que não precisamos planejar né). Reuniões, Skype, palestras, estudo, academia, salão. Existem teorias que dizem que devemos até pensar nas roupas que vamos usar durante a semana, para perdemos menos tempo. Pode ser que funcione, se você é muito indeciso na hora de se arrumar! Sobre alimentação se organize também. Organize sua alimentação da semana, faça marmitas para 5 dias (almoço e janta) e congele. Vale muito a pena, te garanto!

Separe suas tarefas diárias em urgente, importante e circunstancial. Tem tarefas que podem esperar, tem tarefas que demandam tempo, tem tarefas que são urgentes. O que não pode é ficar apagando incêndio toda hora! Leia sobre a tríade do tempo. Medite Certamente uma coisa que afeta muito a nossa produção diária são os pensamentos que nos fazem viajar longe! Pensar muito no passado, no que poderia ter feito ou deixou de fazer e pensar muito no futuro nos leva às vezes para uma frequência improdutiva. Foque no presente! Caso você esteja em um dia muito desfocado, medite. Pare tudo, coloque uma música e troque a frequência. Leia sobre mindfulness. E gente, meditar todo dia é bom. Independente do estado mental que você esteja. Eu achava que nunca ia conseguir, mas experimente! Está perdendo o foco? Vai fazer outra coisa! Depois volte. Tem dia que estamos péssimos. Mente perturbada, sem energia. Você fica horas olhando para o computador …navegando…navegando… e não consegue se concentrar. Pare tudo e vá ao supermercado, vai passear com o cachorro, vai tomar um café, lave o rosto. Quantas vezes eu estava assim e fui dar uma volta no condomínio ou fui ao mercado e depois voltei com a mente limpa e renovada. Quem quer dá um jeito. Quem não quer dá uma desculpa. Precisa de ajuda nisso? Conte comigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X