COMUNICADO ACAGES

Sobre o novo posicionamento de lockdown do Governador Renato Casagrande, a Associação das Academias de Ginástica do ES reforça a importância de classificar as academias e profissionais da educação física como atividade essencial. Estamos em tempo de fortalecer a nossa imunidade e o exercício físico é um dos componentes principais do controle de doenças crônicas e respiratórias, incluindo a COVID-19.

O presidente da Acages, Carlos Andrião, lembra que, nos últimos meses, estão sendo realizadas muitas matrículas de indivíduos com organismos afetados pelas consequências do Coronavírus e que estão em busca de recuperar a qualidade de vida e o vigor de antes da doença. Entendemos a gravidade do momento, mas interromper esse processo é privar a sociedade do seu direito à sobrevivência.

No mesmo período do ano passado, quando a quarentena foi anunciada, os centros de bem-estar e saúde ficaram 120 dias sem funcionar, restringindo o acesso das pessoas à atividade física, o que gerou consequências como o crescimento do número de diagnósticos de obesidade, diabetes, problemas cardiorrespiratórios e distúrbios mentais.

Pedimos ao Governo que olhe de forma mais cuidadosa para essa situação e flexibilize o funcionamento das academias e atuação dos profissionais da educação física, mesmo que baseado no regramento de funcionar com apenas 5 alunos a cada 75m² por hora, sem aulas coletivas. Estamos abertos a conversas e alinhamento de propostas.

Texto/Colaboração: RF Assessoria de Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
X