Cirurgião plástico Adriano Batistuta inaugura consultório na Carlos Martins


Por conta da evolução dos medicamentos e procedimentos, tornando-os mais seguros, as pessoas realizam mais cirurgias associadas

O conceituado cirurgião plástico Adriano Batituta atende em Jardim Camburi há cerca de 17 anos, trouxe para o bairro um novo consultório onde recebe seus pacientes oferecendo mais conforto e atendimento personalizado.

Seu novo espaço fica na Rua Carlos Martins, 601, anexo ao Centro Odontológico Joana Barbosa e conta com recepção, café, consultório, sala para exames, apresenta uma decoração moderna e acolhedora, e visa proporcionar aos pacientes um ambiente confortável e de fácil acesso.

O local foi escolhido por estar em uma das principais vias de Jardim Camburi, localizado na área conhecida, por alguns moradores e comerciantes, como ELO.

“Sempre tive vontade de ter um espaço onde as atividades pudessem funcionar da forma que eu desejava. Então, procurei fazer algo aproximado ao que eu vislumbrava, de acordo com o tamanho do espaço que eu dispunha. É uma ideia antiga. No entanto, não foi projetada para acontecer neste momento, foi uma oportunidade. Eu tinha um sonho mas não tinha uma meta. Consegui um local estratégico. Passando pela rua Carlos Martins, o local se destaca e é facilmente encontrado pelos pacientes”, comenta Adriano.

Prótese de mama e cirurgia no abdômen são procedimentos mais procurados

adriano batistuta clinica2De acordo com Adriano, a grande maioria de seus pacientes são mulheres, sendo que somente cerca de 15 % são homens.
Adriano conta que a prótese de mama e abdominoplastia são os procedimentos mais procurados.

“Alguns anos atrás era mais comum fazer uma maxoplexia (cirurgia que tem como objetivo reverter o caimento natural dos seios). Atualmente as mulheres procuram o cirurgião para reduzir os seios e também colocar a prótese na mama”, informa.

Segundo Batistuta, as drogas anestésicas são mais modernas, têm efeitos colaterais menores, provocam menos arritmia e enjoo, o paciente acorda mais rápido e existem mais tipos de medicações para dor, de forma a agregar e fazer com que as pessoas realizem mais procedimentos associados, dentro de um limite, pois a sociedade de cirurgia plástica orienta fazer até duas cirurgias.

“Para mim, a maioria das cirurgias são bastante tranquilas. Eventualmente, podem surgir desafios, mas já estamos preparados para lidar com isso. Além dos anos de experiência como cirurgião e na área médica, onde a bagagem nos traz segurança, trabalhei oito anos com urgência, então, estou acostumado não só a lidar com a estética, mas com o paciente como um todo. Nos preocupamos com a hidratação, boa analgesia, prevenção da trombose venosa, entre outros aspectos. Hoje em dia o cirurgião plástico está mais preparado para a missão”, finaliza.

eamb adriano batistuta cirurgiao

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X